Investimento social: a revolução financeira dos millenials

É comum associar o termo investimento social com doações para ONGs, mas essa não é a visão que queremos tratar aqui na Firgun. Entendemos o investimento social como um investimento mesmo, quando você aplica seu dinheiro esperando um resultado financeiro. No entanto esse lucro não deve vir a qualquer custo, ele deve estar ligado diretamente a resolução de um problema social. Deve ser feito de forma transparente, as pessoas querem saber para onde o dinheiro delas está indo.

Aqui fazemos isso. Os Heróis e Heroínas Firgun, que investem através da plataforma, estão investindo seu dinheiro em empreendedores da periferia. Com isso eles ajudam a multiplicar oportunidades de trabalho para quem mais precisa, ajudando na acessibilidade a serviços financeiros. Esse é o principal objetivo. Como estão financiando uma atividade produtiva, têm lucro, pago na forma de juros pelos próprios empreendedores financiados.

Conheça a história da Maria, primeira financiada Firgun que reembolsou os investidores antes do prazo

Agora: quem são os millenials? Também chamados de geração Y são as pessoas que nasceram no início da década de 1980 até meados da década de 1990. São pessoas que se movem por propósito. Você concorda com a frase “eu me importo mais em ter impacto positivo na sociedade do que me dar bem financeiramente”?

Segundo uma pesquisa realizada nos Estados Unidos, 92% dos millenials concordam com a frase e 52% dos não millenials também. Essa geração, mais consciente por ter acesso à informação com tanta facilidade, é mais interessada em trabalhar para alguém, comprar de alguém e investir em empresas que compartilham de seus valores do que as gerações mais velhas.

Como você pode fazer um investimento social

A Firgun é uma plataforma de investimentos coletivos em empreendedores populares. Nós realizamos a análise dos negócios e iniciamos a captação coletiva apenas para quem utilizará os recursos da melhor forma possível. Sabemos que o crédito é uma faca de dois gumes: pode ser muito bom para o empreendedor ou uma dívida. Queremos o impacto social, por isso apenas nos interessa o primeiro gume da faca.

Empreender é poder: entenda porque a Firgun foi criada

Desenvolvemos, portanto, uma oportunidade de se realizar investimento social no Brasil. E não é preciso ter muito dinheiro para isso: com valores a partir de R$25 você já pode começar a investir e mudar a vida de pessoas nas periferias. Abaixo trazemos algumas opções de investimento para você fazer parte dessa revolução financeira:

Antônio dos Santos

Antônio é fundador do cabeleireiro Tony Beauty Hair localizado no bairro Morro Doce, no distrito de Anhanguera, extrema zona oeste de São Paulo. Ele faz cortes masculinos e femininos, escova progressiva, coloração, química em geral, design de sobrancelhas, barba simples e desenhada. Está empreendendo na área há 5 anos na área e precisa de R$13.000 para investir.

Clique aqui, conheça a história do empreendedor, invista e receba seu dinheiro de volta com um rendimento de 12% ao ano. 

Prazo para investir no Antônio – 15/06/2018

Renato Gomes

Renato é fundador da Criar & Criar, um negócio social localizado na Lapa de Baixo que tem como objetivo principal comercializar artesanato, móveis e cenografia feitos a partir de materiais reciclados e reutilizados. Está empreendendo na área há 8 anos e precisa de R$15.000 para investir.

Clique aqui, conheça a história do empreendedor, invista e receba seu dinheiro de volta com um rendimento de 12% ao ano. 

Prazo para investir no Renato – 15/06/2018

Laércio Júnior

Laércio é chef e fundador da Choco’s #013, uma marca de hambúrgueres artesanais, molhos e temperos. Laércio trabalha há quase 10 anos na área. Começou vendendo batata frita em uma estação de trem e atualmente faz entregas delivery e eventos gastronômicos aos finais de semana. Hoje quer R$10.000 para investir na compra de um food truck e expandir os negócios. 

Clique aqui, conheça a história do empreendedor, invista e receba seu dinheiro de volta com um rendimento de 12% ao ano. 

Prazo para investir no Laércio – 22/06/2018

Elisete Araújo

Elisete é fundadora da Eli Modas, um box de roupas femininas localizado na Lapa, embora ela more na Vila Carbone, zona noroeste de São Paulo. Ela trabalha com isso há 5 anos, seu forte sempre foi trabalhar como vendedora. Hoje ela busca um empréstimo de R$7.450 para comprar mercadorias à vista com o fornecedor e aumentar sua margem de lucro.

Clique aqui, conheça a história da empreendedora, invista e receba seu dinheiro de volta com um rendimento de 6% ao ano. 

 Prazo para investir na Elisete – 23/06/2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *