Linha de crédito Firgun: uma nova opção de empréstimo

linha de credito firgun

A Firgun existe para facilitar o acesso a microcrédito para microempreendedores. Com a linha de crédito Firgun teremos um empréstimo mais rápido. Nosso objetivo é tornar mais fácil a vida daqueles que têm mais dificuldade de acessar o sistema bancário, dentre eles: afroempreendedores, mulheres, refugiados, lgbts, entre outros. Temos esse recorte pois acreditamos no empreendedorismo como um motor que pode diminuir a desigualdade social no Brasil. Assim financiar aqueles que têm mais dificuldades é o que faz mais sentido. A economia precisa voltar a crescer, empregos precisam ser gerados e a renda das famílias mais pobres precisa aumentar. Por isso a Firgun está aqui.

A Firgun nasceu como uma plataforma de investimentos coletivos. Em rede captamos o investimento necessário para que um pequeno negócio cresça. Clique aqui e entenda essa opção de crédito. Nesse texto em específico falamos sobre uma nova forma de fazer um empréstimo. Através da linha de crédito Firgun.

Como funciona a linha de crédito Firgun?

A linha de crédito Firgun é voltada para financiar atividades produtivas. Ou seja, tudo que estiver relacionado ao crescimento do negócio pode receber investimento da Firgun. Por exemplo reformas, capital de giro, contratação de pessoal, comunicação para atingir mais clientes e outras atividades que estejam ligadas a vender mais e melhor. Nosso objetivo é promover a geração de empregos, aumento de renda e a melhoria da qualidade de vida de quem mais precisa.

A partir da segunda metade de novembro desse ano a Firgun terá uma linha de crédito própria e poderá emprestar valores de até R$21.000 para serem pagos em até 36x com um mês de carência para começar a pagar. Os juros variam de zero a 2,5% por mês. A partir do momento em que o empréstimo é aprovado a transferência ocorrerá em até dois dias úteis para a conta do empreendedor. A análise de crédito pode levar até 5 dias úteis para acontecer.

Em linhas gerais a Firgun promove:

  • Empréstimos de até R$21.000
  • Pagamento em até 36 parcelas
  • Juros de zero a 2,5% ao mês

Já leu?


Acesso a serviços financeiros no mundo: Brasil está na 131ª posição

Microcrédito produtivo: impacto econômico e social


 Como funciona o empréstimo na prática?

Sabemos que o crédito é uma faca de dois gumes: pode significar o crescimento do empreendedor ou pode se tornar uma dívida. Não queremos que o segundo caso aconteça, por isso existe um processo de análise criterioso dos empreendimentos. Queremos conhecer empreendedores talentosos, mas que estão enfrentando dificuldades para tomar um empréstimo.

De maneira resumida você precisará:

  1. Uma conta bancária registrada no seu CPF
  2. Ter a indicação de uma organização parceira da Firgun
  3. Responder ao nosso questionário de perfil financeiro
  4. Enviar documentos que comprovem os ganhos e gastos do último ano

Primeira etapa – indicação

Para tomar um empréstimo com a Firgun é necessário ter pelo menos 1 ano de experiência empreendendo e ser indicado por uma organização que trabalha com a capacitação empreendedora. Essas organizações têm soluções para áreas de gestão empresarial, acesso a mercado, comunicação e temas relacionados, mas não promovem o acesso a crédito em si. Elas podem se aliar a Firgun em parcerias para realizar as indicações. Veja aqui os parceiros oficiais da plataforma.

Fazemos isso para ter uma segunda opinião do empreendedor.

Segunda etapa – análise de crédito

Aqui começa a análise do negócio. Com agilidade, através da internet, realizamos nossa própria avaliação do negócio.

Análise de perfil

Primeiro o empreendedor deve responder ao nosso questionário de perfil financeiro. Ele foi desenvolvido a partir de um estudo realizado em parceria com a FGV, Instituto Quintessa, Plano CDE e outros negócios sociais como Moradigna e 4YOU2. São perguntas que tratam de conhecimentos básicos de finanças, apetite a risco, hábitos de consumo, entre outros aspectos relevantes.

O link do questionário é enviado por email após a realização do cadastro em nossa plataforma no botão “quero empréstimo”. Fazemos isso para entender o risco do empréstimo.

Análise da saúde financeira

Nessa etapa queremos entender como andam as finanças do empreendimento. Para isso pedimos que seja enviado documentos que comprovem o fluxo de caixa (ganhos e gastos) do negócio dos últimos três meses. Pode ser uma planilha, extrato do banco, da maquininha ou se isso é feito em um caderno de anotações, as fotos desse caderno. Nesse momento também pedimos para que o empreendedor envie uma foto do seu RG.

Fazemos isso para entender qual será o valor aprovado para captação. As parcelas do pagamento devem caber no bolso do empreendedor.

Ficou alguma dúvida?

Envie um email para [email protected] com a sua pergunta que respondemos por lá ou envie um mensagem por whatsapp para 11 96077-0941.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *